E-mail: cases@programacases.com.br
Siga-nos:
Topo

A Rede Globo e a Ariranha – um péssimo exemplo de vendas

A Rede Globo e a Ariranha – um péssimo exemplo de vendas

Image

Assistindo o capítulo da novela “Avenida Brasil”, exibido ontem, dia 02 de Agosto, pude constatar que a Globo e sua famosa Ariranha deram um péssimo exemplo no capítulo “atendimento”.

Nesse capítulo, a Ariranha Suelen, a nova vendedora da loja Elegance, atende uma senhora obesa. De forma acintosa, ela começa a empurrar várias peças na cliente, que a todo o momento questiona a vendedora, se as roupas lhe caíram bem. Mentindo descaradamente ela diz que a cliente está “linda”. Posteriormente, em conversa com seu pretenso marido, ela comenta que “entubou” na cliente mais de sete peças e sorri como se tivesse realizado um grande feito.

Infelizmente, a Globo perdeu uma grande oportunidade. Decidiu mostrar o exemplo da Ariranha, que representa apenas uma pequena parcela dos profissionais de vendas. Empurrar, entubar, são artimanhas usadas por vendedores decadentes e despreparados.   Tenho certeza que num caso real, a consumidora logo perceberia que foi enganada. Com certeza, além de não voltar a comprar mais naquele local, começaria a fazer campanha contra.

Gente, não dá mais para aceitar, que nós consumidores, sejamos tratados com tanto desrespeito. Tá mais do que na hora, das empresas, perceberem, que existe outro caminho. O caminho do “BEM”. Aceitar o fato de que agir de forma honesta com o cliente, produz melhores resultados. Quando o cliente é tratado com respeito, consideração e especialmente com verdade, ele não só voltará a comprar mais vezes, como se tornará um ferrenho evangelizador do negócio, da empresa, da loja, do produto etc. Não se esqueçam que seu melhor vendedor, pode ser seu cliente. O que está errado? Por que continuamos ser maltratados, apesar de tantos alertas? Podemos enumerar algumas razões:

  • Dificuldade em sair da zona de conforto;
  • Não querer investir em treinamento;
  • Empresas sem compromissos com seus funcionários;
  • Funcionários descompromissados com a visão e missão de suas empresas;
  • Empresas que acreditam que nada acontecerá a elas, apesar de suas ações desonestas com seus clientes.

Espero que tenham gostado desse papo, até o próximo post.

Fernando Fernandes

www.programacases.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sem comentários
  • Wilson Dreux
    4 de agosto de 2012 ás 19:37

    Alias a GLOBO vem pecando muito, a trama da novela é ótima prende o telespctador, mais a
    midia demonstrada, que mostra que vale mais a pena enganar do que agir com correção é triste!
    Você engana as pessoas durante algum tempo, mais não durante todo tempo.

    • ffescritor
      8 de agosto de 2012 ás 13:36

      Wilson, bom dia
      Muito obrigado por sua participação. Concordo com você plenamente. Essas empresas, mais tarde o mais cedo, pagarão a conta por empregar esse tipo estratégia.
      Esperamos poder vê-lo mais vezes comentando nossos artigos.
      Abraços,
      Fernando Fernandes

    • niuton renato casacurta
      9 de agosto de 2012 ás 12:20

      Estranho um reporter que tem programa na Recopia, vir fazer comentarios sobre uma concorrente e para o sr Wilson, escreve tres vezes a palavra -mais- errada, é “mas”

      • ffescritor
        10 de agosto de 2012 ás 13:22

        Grande Niuton Renato
        Não acredito que a Record Seja uma cópia. Você sabe que em TV, como já dizia o Velho guerreiro, tudo se copia. Quer dizer, todas as emissoras, sempre acabam copiando aquilo que faz sucesso.
        Eu sou um repórter independente, apenas tenho um espaço na Record News. No entanto, admiro o belo trabalho que a News vem fazendo. Não critiquei a Globo porque tenho um programa na Record. Critiquei porque é isso que gosto de fazer. Quando é para elogiar, também o faço. A três dias publiquei um artigo tecendo elogios à Globo. Dê uma olhada.http://ffescritor.wordpress.com/2012/08/08/rede-globo-campea-em-inovacao/
        Muito obrigado por sua participação e espero poder contar com suas observações.
        Um abraço,
        Fernando Fernandes

  • Gustavo Rocha
    5 de agosto de 2012 ás 14:43

    Olá, Fernando. Entendi seu raciocínio e concordo que devemos sempre preservar a reputação da classe dos Vendedores contra estereótipos como este. Mas, além de ser ficional. o personagem Suelen é caricato e, como tal, exagerado. O distinto público deve saber saparar as coisas.
    Abs.

    • ffescritor
      8 de agosto de 2012 ás 13:34

      Bom dia Gustavo.
      Como a Tv é uma grande formadora de opinião, a mensagem enviada foi péssima. Concordo com sua opinião também. Esperamos que os bons profissionais, possam aos poucos, ir anulando essas mensagens. Esperamos vê-lo mais vezes comentando nossos artigos.
      Abraços,
      Fernando Fernandes

    • Marcelo
      8 de agosto de 2012 ás 14:36

      São poucos que sabem separar as coisas , além das crianças que não deveriam , mas assistem a novela

  • Carlos Jorge
    5 de agosto de 2012 ás 16:03

    Fernando voce esta absolutamente correto em seu comentario. Infelizmente isto a acontece em todos os setores, a maioria dos vendedores nao estao comprometidos com a real necessidade do cliente mas simplesmente vender, nao se importando se será pela primeira e ultima vez. A confiança deque logo mais chegará um outro comprador tambem despreparado. Hoje somos um dos grandes empregadores da China oque significa maior volume e menor qualidade.

    • ffescritor
      8 de agosto de 2012 ás 13:32

      Carlos Jorge, bom dia
      Obrigado por sua participação. Concordo com você plenamente. Esperamos vê-lo mais vezes comentando nossos artigos.
      Abraços,
      Fernando Fernandes

  • Bianca A.
    5 de agosto de 2012 ás 17:47

    Concordo, mas não entendi onde a Globo possa ter errado.

    A personagem que adota a postura condenada tem como principal característica a falta de caráter.

    Portanto não acredito que a novela tenha apoiado a atitude da personagem.

    Abs

    • ffescritor
      8 de agosto de 2012 ás 13:30

      Bom dia Bianca.
      Como a TV é um veículo formador de opinião, poderia aproveitar a oprtunidade para atenuar esse estigma sobre os vendedores. Como a personagem Suelen, a ex ariranha, está em fase de arrependimento, poderiam usar a cena de forma correta, com um atendimento de excelência. Após a cena, ela poderia dizer: “no passado, eu entubaria essa cliente mole mole”. Ou algo assim.
      Obrigado por sua participação e esperamos vê-la mais vezes comentando nossos artigos.
      Abaços,
      Fernando Fernandes

      • claudionor
        9 de agosto de 2012 ás 13:42

        Bom dia Fernando,
        Concordo com tudo que voce disse, inclusive esta resposta dada a Bianca.
        Abraço a todos,
        Claudionor

    • Marcelo Bauducco
      13 de agosto de 2012 ás 13:59

      Concordo.

      Não dá pra esperar que cada cena de uma novela contenha uma rica lição de moral pra educar a audiência.

      A Globo e todas as outras emissoras de TV, no papel de formadoras de opinião, tem a obrigação de noticiar fatos com imparcialidade e de respeitar os padrões morais da sociedade. Isso não significa que cada programa deve ser uma aula de cidadania.

      Sem contar que no final da novela, vamos ver novamente todos os vilões sendo punidos, os bonzinhos sendo recompensados e aprenderemos mais uma vez que o crime não compensa.

      • ffescritor
        13 de agosto de 2012 ás 16:14

        Marcelo, boa tarde.
        Muito obrigado por sua participação. Sábias palavras. Quem sabe um dia, as emissoras desse país decidam “ouvir” quem lhe paga.
        Um abraço,
        Fernando Fernandes

  • Itamar Lima
    5 de agosto de 2012 ás 18:31

    Infelismente em determinadas situações o culpado não é nem o vendedor, e sim o patrão que estabelece metas inatingíveis, o que força o profissional de vendas a cometer atitudes desta natureza. Eu mesmo já trabalhei em uma empresa que praticava muito isso, e nos dava treinamento de como iludir os clientes menos favorecidos. Eram calculos mirabolantes para enganar o consumidor, com margens de lucro fictícias e irreais, para o nosso bem tivemos algumas mudanças na diretoria, e a nova gestão fez um exorcismo nesta prática.

    • ffescritor
      6 de agosto de 2012 ás 18:28

      Itamar, boa tarde.
      Concordo com seu comentário plenamente. O erros existe dos dois lados e não há como negar isso. Empresas inescrupulosas, que visam apenas o lucro. Acredito que essas empresas pagarão a conta, mais cedo ou mais tarde. muito obrigado e volte sempre ao nosso Blog e site.
      abraços e boa semana.
      Fernando

  • Valdir Ribeiro
    21 de agosto de 2012 ás 20:41

    Fernando Fernandes, parabéns e aplausos pela postagem.

    O Pai ensina, o filho, mas não aprende. Aconteceu comigo e um de meus filhos que, acompanhado de um coleguinha de sua idade, +- 10 anos, chegou em casa gozando da cara da funcionária da Padaria, que havia errado no troco e devolvendo troco para uma nota de R$ 50,00, quando havia recebido apenas uma nota de R$ 10,00 destinada ao pagamento do produto comprado.

    Disse para voltar lá e dvolver o dinheiro recebido a mais, o que foi feito e nunca mais um fato semelhante se repetiu.

    Agora, já adulto, ele assistiu à cena da novela e a sua reação foi: “essa garota ainda vai levar essa Loja à falência”

    Uma amiga nossa, por sinal obesa, habitualmente compra roupas de tamanho menor, talvez para alimentar seu ego ou porque encontra um Vendedor de caráter duvidoso.

    O Presidente do Grupo Wall Mart não foi atendido e reclamou, com razão, conforme seu discurso disponível na Internet. Eis um trecho:

    Você deve estar pensando que sou uma pessoa quieta, paciente, do tipo que nunca cria problemas. Engana-se. Sabe quem eu sou??? “EU SOU O CLIENTE QUE NUNCA MAIS VOLTA”!!!

    Divirto-me vendo milhões sendo gastos todos os anos em anúncios de toda ordem, para levar-me de novo à sua firma. Quando fui lá, pela primeira vez, tudo o que deviam ter feito era apenas a pequena gentileza, tão barata, de me enviar um pouco mais de “CORTESIA”.

    OS CLIENTES TÊM O PODER DE DEMITIR TODOS DE UMA EMPRESA, DO ALTO EXECUTIVO PARA BAIXO, SIMPLESMENTE GASTANDO SEU DINHEIRO EM ALGUM OUTRO LUGAR. ”

    Finalizando:

    “O consumidor está muito mais rápido do que as organizações” – Don Schultz;

    “Hoje, os consumidores são, de fato, os marqueteiros mais poderosos do mercado” – Pete Blackshaw;

    Um forte abraço e sucesso!

  • leonardo salema
    5 de setembro de 2012 ás 11:53

    Concordo em parte… mas acho que o que a globo fez foi mostrar o que acontece na vida real e as vendedoras falam assim mesmo. E logico que um cliente esperto nao vai dar esse mole mas a verdade é que a grande maioria so quer consumir, eles entram em estado catatonico quando entram na loja para comprar e a opinião do vendedor é importante para caramba para esses clientes. Qualquer elogio faz o cliente se sentir muito bem e feliz da vida e isso faz ele gastar mais, afinal o cara é vendedor é humano também e precisa comer. A globo nesse caso acho que não fez mais que a obrigação dela que é fazer novela (que alias eu não veja e também não vi esse capítulo, tenho coisa muito melhor para fazer…kkkkkk ) Caminho do Bem vendo novela não vai tão bem assim. Ma o meno. kkkk

    • ffescritor
      5 de setembro de 2012 ás 19:26

      Leonardo, muito obrigado por seus comentários, muito bem colocados. Que tal aparcer mais vezes e comentar outros artigos?
      abraços e bom feriado.
      Fernando

  • aguinaldomendes
    5 de setembro de 2012 ás 17:46

    Só uma pergunta : Por que você assiste a novela da Globo ?

  • aguinaldomendesa
    5 de setembro de 2012 ás 17:49

    Só uma pergunta : Por que você assiste a novela da Globo ?

    • ffescritor
      5 de setembro de 2012 ás 19:25

      Aguinaldo, boa tarde.
      Muito obrigado por sua participação. Espero poder vê-lo ainda mais vezes em nosso Blog ou site.
      Quanto à sua pergunta, eu assito sim, porque achei a trama interessante. Como gosto de TV e faço TV, sempre estou atento a tudo, mesmo se tratando de lixo. às vezes, do Lixão, tiramos algumas ideias.
      abraços,
      Fernando

Total
0