E-mail: cases@programacases.com.br
Siga-nos:
Topo

Aqui quem manda é o CLIENTE

Aqui quem manda é o CLIENTE

Quantas vezes já ouvimos ou lemos essa frase? No entanto, posso garantir que muitas empresas continuam dando ponta pés à seus clientes. Não quero generalizar, pois acredito que ainda existam empresam sérias, com conceitos corretos sobre atendimento.

Vendo um noticiário na TV, fiquei estarrecido com uma das notícias. Um consumidor na cidade de Florianópolis entrou armado em uma loja de móveis e deu três tiros no gerente. Motivo? O cliente vinha tentando receber o que comprou sem sucesso. Já farto de tanta enganação, partiu para o irracional.  Outro consumidor em alagoas tentou matar o gerente de uma revenda de automóveis, por divergências quanto ao que foi acordado. Veja aqui. A lista continua.

Se de fato as empresas estão interessadas em dar um atendimento de qualidade, por que as reclamações não param de crescer de forma exponencial? Recentemente três grandes empresas de telefonia móvel, foram impedidas judicialmente de vender seus produtos. Motivo? Pelo mau atendimento a seus clientes. É incrível, que mesmo sabendo que a proibição se baseou em fatos reais com milhares de clientes insatisfeitos e reclamando, as empresas vieram a público para dizer que investirão bilhões, a fim de melhorarem o atendimento. Caramba, que tal um pedido de desculpas? Bastava reconhecer que cometeram falhas e garantir que tomariam medidas cabíveis para que essas falhass não se repetissem. No entanto, o que vimos foi um monte de bla´bla´blá e a tentativa de esconder a sujeira sob o tapete.

Por isso, acredito que o respeito ao cliente, só consta na declaração de missão das empresas. Apenas no papel. Afinal, o papel aceita qualquer coisa. Como anda o atendimento em sua empresa? Espero que sua reposta seja ratificada pelas suas ações. O respeito ao consumidor, não é apenas um estado de espírito, ou um mero quadro na parede com uma frase de efeito sobre atendimento e respeito ao consumidor. É uma questão de atitude. É a atitude que faz a diferença entre o querer e o fazer.

Até quando os consumidores continuarão a ser desrespeitados no Brasil? Depende apenas de nós, consumidores e de nossa atitude; de não ficarmos mais indiferentes ao desrespeito e a má qualidade no atendimento.

Um forte abraço a todos,

Fernando Fernandes

www.programacases.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sem comentários
  • Itamar Lima
    5 de agosto de 2012 ás 18:26

    Fernando,
    Com relação ao que vc ilustrou acima, nos resta protestar e protestar bastante, procurar sites de reclamações e pôr literalmente a boca no trombone, pois existe um desrespeito muito grande com o consumidor. Não existem orgãos que punam severamente as empresas por estes abusos. E os consumidores ficam a mercê do inesperado. A minha mãe comprou um móvel na Casas Bahia e o mesmo veio faltando uma peça importantíssima para a sua montagem. Apesar de o parecer do montador da empresa comfirmar o fato a loja não quis se responsabilizar por tal erro. Foram varias indas e vindas até a loja, até que uma pessoa entrou em contato com o fabricante e o mesmo reconheceu o erro. Foram enviadas as peças que faltavam, e a empresa mandou alguém para montar o móvel. Mas isso tudo depois de mais de tres meses de reclamações.

  • Valéria Maciel
    8 de agosto de 2012 ás 12:22

    Eu acredito que aí está um grande espaço para treinamento e capacitação através de cursos de equipes através dos RH. Consultoria não deveria faltar para qualquer empresa que pretenda ver seus cooperadores qualificados e seus clientes satisfeitos,

    • ffescritor
      8 de agosto de 2012 ás 13:26

      Valéria, bom dia.
      Para nós que lidamos com consultoria e treinamento, significa que temos muito o que fazer. Esperamos que breve as empresas entendam a importância do treinamento para a alta performance.
      Obrigado por sua participação e esperamos vê-la mais vezes comentando nossos artigos. Visiste nosso site http://www.programacases.com.br
      Abraços,
      Fernando Fernandes

  • Claudio Roberto Trindade
    17 de janeiro de 2013 ás 13:06

    Fernando, concordo plenamente com o que disse e o que falta em muitos colegas de profissão é o reconhecimento do erro e o pedido de desculpas para com o cliente nunca chega. As vezes a humildade em nós profissionais da area de venda cabe um pouco, muidei muito minha visão e meus atos perante aos meus clientes. Hoje escuto mais e trabalho com o que ele me diz entro no perfil que ele deseja de um bom vendedor.

    • ffescritor
      17 de janeiro de 2013 ás 13:14

      Cláudio, obrigado por sua visita ao nosso Blog e pelo excelente comentário, parabéns por sua percepção. Esperamos voltar a vê-lo.
      Grande abraço.
      Fernando

Total
0