E-mail: cases@programacases.com.br
Siga-nos:
Topo

ERRANDO O ALVO

ERRANDO O ALVO

Recentemente a Samsung lançou uma campanha de Marketing no Japão, onde ela, através de um vídeo, ridicularizava utilizadores do IPAD. Claro que a tentativa era promover o GALAXY TAB. Quem sabe, num aborto da natureza, consumidores da Apple (leia-se IPAD) se sensibilizassem com a campanha e mudassem de lado.

Bem, vamos falar a verdade. Tenho certeza que para aqueles que tomaram conhecimento da campanha, assim como eu,acharam tudo isso ridículo. Existe um ditado do tempo da minha avó que diz o seguinte, “falem mal, mas falem de mim.”

Os clientes de IPAD, ou clientes da APPLE, estão conectados à marca emocionalmente. Dificilmente esses clientes serão seduzidos e convencidos a mudar. Na verdade é como se a marca estivesse vincada a ferro em suas mentes. Por exemplo, alguns consumidores chegam às raias da loucura para consumirem produtos APPLE. Recentemente um jovem chinês, vendeu um de seus rins, a fim de comprar um IPAD E UM IPHONE. Seu caso teve repercussão mundial. (Aqui no Brasil, o caso foi publicado no jornal Globo.com no dia 06-04-2012.)

No caso da Samsung, sua estratégia deveria estar voltada para consumidores ainda não vacinados pelo vírus APPLE. Quem sabe, conquistar os consumidores ávidos por Tablets e smarts phones, mas ainda indecisos sobre que marca adquirir.

Estamos falando de grandes marcas, mas o mesmo pode acontecer com seu negócio, não importando em que segmento de mercado seu negócio esteja. Tom Peters comentou que para conseguirmos consumidores leais é preciso sermos o numero um ou numero dois em suas mentes. Esse é o único caminho para que seu produto decole. Foi isso exatamente o que fez a APPLE, COCA- COLA, GOOGLE, HARLEY etc. No entanto é preciso estar atento quase vinte quatro horas, a fim de que o concorrente não roube sua posição. Foi isso, por exemplo, que aconteceu com a KODAK, NOKIA, RIM, HP, YAHOO etc. Essas marcas já foram número um na mente dos consumidores e hoje estão em risco de desaparecerem.

Em vista disso, fica claro que além de um bom produto, ou mesmo de um produto inovador, também são necessários outros cuidados, como, foco e atenção constante aos consumidores. São eles que indicarão quais os rumos que sua empresa deve tomar. Não levar em conta o que os consumidores estão pensando, ou para que tendências eles estejam voltados, sua marca ou produto, pode em pouco tempo virar fumaça.

Um forte abraço a todos,

Fernando Fernandes


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sem comentários
Total
0