E-mail: cases@programacases.com.br
Siga-nos:
Topo

Executivo Bom É Executivo Ocupado – Será?

Executivo Bom É Executivo Ocupado – Será?

Fico impressionado com os artigos sobre executivos que dormem poucas horas por dia, a fim de manterem-se produtivo. O pior é que esses artigos chegam a exaltar essas pessoas, como se a atitude delas fosse legal. Balela! Conversa fiada.

Claro que é importante para qualquer executivo ou empresário, manter o “foco” em seu negócio. No entanto, como alguém pode ser feliz, não tendo tempo para sua família e para as outras coisas boas da vida? “Nenhum executivo em seu leito de morte, jamais vai reclamar de não ter tido mais tempo para os negócios.” – Dale Carnegie.

Se você pretende abrir ou abriu recentemente seu negócio, considere que o “foco” é fundamental para a sobrevivência desse negócio. Isso, no entanto, não quer dizer que é preciso negligenciar outras atividades, como por exemplo, alguma ação social ou apoiar alguma causa que seja legal, sem esquecer-se de dar atenção ao seu alicerce – sua família.

Infelizmente, alguns empresários e executivos de sucesso, passam uma imagem equivocada, de que é preciso trabalhar quase 20 horas para manter o sucesso. Ainda há aqueles que fingem estar muito ocupados, tentando convencer seus subordinados que ele é o “tal.” Considere o belo exemplo do empresário Abílio Diniz. Apesar de ser um profissional focado, ele dedica tempo naquilo que mais gosta – malhar.

Quando as pessoas perdem o equilíbrio, acabam tendo que sacrificar alguma coisa, que mais tarde, poderá cobrar uma fatura salgada demais. Recordo-me, por exemplo, quando o candidato à Prefeitura de Nova York, o sensacional Rudolph Giuliani, dava uma entrevista, pensando na reeleição, e uma das câmeras flagrou um cartaz segurado por uma pessoa (que mais tarde veio a se descobrir que era um de seus filhos), que dizia: “Não vote em meu pai, ele é um péssimo chefe de família”.

O que isso quer dizer? Que apesar de ter sido um Prefeito genial, ele havia desconsiderado algo em sua vida familiar, isso pode ter-lhe custado caro, por exemplo, talvez a reeleição.  Isso pode acontecer com qualquer pessoa. Ter “FOCO” não significa que sua família, tenha que ficar fora dele. Você consegue imaginar o Eike Batista indo a alguma confraternização na casa de um amigo? Que pena, pois são nas pequenas coisas da vida que podemos encontrar satisfação, realização e a sensação de que vale a pena viver. Porque no fundo é para isso que estamos aqui, para ser felizes. Só se vive uma vez.

Pense nisso.

Um grande abraço a todos,

Fernando Fernandes

www.programacases.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sem comentários
  • Eduardo
    4 de fevereiro de 2017 ás 15:59

    Parabéns , gostei muito os case de sucesso publicado , principalmente quando aponta a gestão do tempo para nossas vidas .

    • ffescritor
      4 de fevereiro de 2017 ás 16:40

      Olá Eduardo. Seja bem vindo. Obrigado por deixar seu comentário. Esperamos poder vê-lo mais vezes em nossa companhia. Abraços, Fernando

Total
0