E-mail: cases@programacases.com.br
Siga-nos:
Topo

Faça Vendas Bumerangue

Faça Vendas Bumerangue

O bumerangue é um objeto que já existe há mais de 4.000 anos e, mesmo assim, continua encantando pessoas em todo mundo. Na verdade, o que deixa as pessoas fascinadas é a capacidade do bumerangue de sempre voltar para as mãos do lançador. Ele sempre voltará se for lançado corretamente. Isso torna o jogo divertido.

Em vendas é a mesma coisa. O comércio é algo que já existe há milênios, assim como clientes. Mas o que torna este “jogo” também interessante é a capacidade do jogador (vendedor) fazer sempre o cliente, ou a venda, voltar para as suas mãos. Fazer vendas de mão única, aquelas do tipo que o cliente não mais voltará, não tem graça e não gera grandes dividendos.

Como o bumerangue, o vendedor precisa tratar de forma correta o jogo das vendas; caso contrário, não o fará novamente, pois os clientes não voltarão para as suas mãos. Talvez até mesmo passem para as mãos de seus concorrentes.

Para tornar esse “jogo” (vendas) mais interessante e animado, é preciso manejar corretamente as ferramentas à sua disposição – feedback, follow-up são algumas delas.

Os clientes que retornam para as suas mãos acabam ficando menos sensíveis aos preços, o que tornará suas vendas com maior rentabilidade. Assim como exige esforço lançar corretamente o bumerangue, exigirá esforço contínuo manter a satisfação do cliente.

Fica cada vez mais difícil manter a fidelidade do cliente. As ofertas de produtos e serviços abundam o mercado. Quase não há diferença entre os produtos e serviços. Por isso, o “jogo das vendas” exige maior perícia e preparação dos participantes.

Como anda a imagem de sua empresa na mente do consumidor? Caso você tenha dificuldades em responder a essa pergunta, sua empresa pode estar em apuros.

Para resumir, recomendo que comece a fazer “vendas bumerangue” ― aquela que sempre faz com o que o cliente retorne para as suas mãos.

Abraços,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1Comentário
  • Marcos Tresler
    30 de maio de 2011 ás 21:56

    Maravilhoso…

Total
0