E-mail: cases@programacases.com.br
Siga-nos:
Topo

Fidelidade ou Lealdade dos clientes?

Fidelidade ou Lealdade dos clientes?

Será que se pode comprar a fidelidade de um cliente? A resposta nua e crua é SIM. É isso que tem feito algumas companhias com seus cartões de fidelidade. Desde que a America Air Line e a American Express descobriram que a fidelidade do cliente poderia ser comprada, explodiram ações com cartões de fidelidade, milhagens, pontos etc.
Isso quer dizer que quando o cliente deixar de ter as vantagens apregoadas por sua fidelidade, eles migram para quem pagar mais.

E o que dizer da LEALDADE?
A lealdade a uma marca ou a um produto está relacionada à satisfação pessoal e está intimamente relacionada ao emocional. O consumidor se sente conectado à marca. Ele é leal porque a marca ou produto fala direto ao seu coração e não apenas à sua mente.

Poucas empresas conseguiram realizar isso tão bem como a APPLE, GOOGLE, COCO-COLA, HARLEY.
A Apple, por exemplo, conseguiu que seus consumidores não só cultuassem a marca, mas se tornaram ferrenhos evangelizadores.
Qual a grande vantagem em se ter clientes leais? Quando um consumidor se torna leal a uma marca ou produto, raramente migrará para um concorrente. Temos visto a batalha da Samsung, tentando seduzir os consumidores Apple, porém sem sucesso.

O que torna um consumidor em cliente leal?
Acredito que não exista um único fator, e sim um conjunto de fatores, como design, inovação, atendimento, pós venda, feedback e claro uma boa estratégia de Marketing.

As empresas estão tão desesperadas por lucros que deixam de enxergar o óbvio. Para conseguir clientes leais, apele a seus corações, e não apenas às suas mentes. Permita que seus consumidores interajam com seus produtos e estejam conectados a ela emocionalmente.

Quanto mais próximo o consumidor estiver de sua marca ou produto, menos vulnerável ele estará aos ataques ferozes da concorrência.

Um forte abraço a todos,

Fernando Fernandes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1Comentário
  • Gláucia Castro
    16 de abril de 2012 ás 10:42

    Olá!
    Fernando, sem a fidelização do cliente, a marca não sobrevive. Todo esforço é válido para mantermos um público fiel a um determinado produto, isso explica o sucesso dessas marcas citadas por você.
    Qualquer agrado ao cliente é motivo para que ele retorne a loja, faça questão do produto e indique aos amigos.
    Precisamos investir no pessoal de vendas com treinamento constante e pesquisa de atendimento ao cliente para termos um feedback de como está indo nossa equipe e o que precisamos melhorar, assim teremos fidelidade garantida.
    Abçs.
    Gláucia Castro

Total
0