E-mail: cases@programacases.com.br
Siga-nos:
Topo

O empreendedorismo e a corrida com obstáculos

O empreendedorismo e a corrida com obstáculos

desafio-do-empreendedor
Em qualquer lugar do mundo, ser empreendedor não é uma tarefa fácil, mas, no Brasil é quase uma tarefa para super heróis.
Numa corrida com obstáculos, dessas que estamos acostumados a ver em jogos olímpicos, o corredor precisa correr e ao mesmo tempo saltar sobre os obstáculos. Quando alguém salta mal e tropeça no obstáculo, está praticamente fora.

Na corrida do empreendedorismo, uma corrida de logo percurso, os obstáculos são muitos e às vezes inesperados. Nos três primeiros anos os obstáculos tendem a ser imprevisíveis e em maior número. Depois eles vão ficando mais fáceis, embora o empreendedor não possa descansar e achar que já venceu.

Segundo dados fornecidos pelo SEBRAE, o número de falência nos três primeiros anos chega a ser superior 68% e apenas pouco mais de 20% chega ao quinto ano. Isso quer dizer que a grande maioria “cai” diante dos obstáculos e ficam pelo caminho.

Assim como numa corrida olímpica com obstáculos é preciso preparação, para ser um empreendedor e ter sucesso, também é preciso estar preparado. Infelizmente alguns empreendedores acham que basta ter um conhecimento genérico, uma boa ideia e pronto. Acreditam que isso basta para serem bem sucedidos. Isso é engano perigoso.
Como bem disse Phillip Kotler, não há boa ideia que resista à falta de recursos.

Mesmos os cases meteóricos que observamos nos últimos anos, houve necessidade de aporte de capital. Assim sendo amigo, se você tem uma boa ideia e algum capital, ótimo, já é um bom começo. No entanto é preciso mais do que isso para abrir um negócio e se dar bem. É preciso “conhecer” do negócio que pretende abrir. Pelo menos o mínimo necessário. Aos poucos, vá se informando e inteirando sobre seu “novo” produto. Se você vai abrir uma loja de colchões, e se única experiência que possui é sobre dormir neles, pense muito bem. Avalie se de fato só isso basta.

Veja o que significa empreendedor: “O empreendedor é aquele que inicia algo novo, que vê o que outros não veem, que realiza antes, que sai da área do sonho e do desejo e parte para a ação”. Fonte, Site do SEBRAE.

A corrida do empreendedorismo é altamente gratificante, mas é preciso ter músculos e pouca gordura, metaforicamente falando. Não desista nos primeiros obstáculos. Salte sobre eles com determinação. Não se distraia, mantenha o foco. Aproveite a primeira boa oportunidade e comece a correr. Nos próximos artigos, abordaremos as principais causas de falência.
Grande abraço a todos,
Fernando Fernandes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sem comentários
  • wilsondreux
    28 de agosto de 2013 ás 13:08

    A falta de conhecimento e de profissionalismo é a principal causa do fracasso, não basta ter uma boa ideia é preciso estudar minuciosamente e ter o foco no que foi planejado. Parabéns pelo artigo, obrigado.

  • get likes on instagram
    19 de março de 2014 ás 05:54

    Muito bom o post amei vou sempre visitar seu website !!

    • ffescritor
      20 de março de 2014 ás 21:31

      Obrigado Darlan por nos visitar. Estamos contentes com sua visita. Se puder, compartilhe com sua rede de amigos.
      Grande abraço,
      Fernando

  • comprar curtidas no instagram
    19 de março de 2014 ás 05:57

    excelente post !!

    • ffescritor
      20 de março de 2014 ás 21:32

      Obrigado por nos visitar e deixar um recado tão positivo. Esperamos que volte sempre.
      Grande abraço e boa semana.
      Fernando

  • ffescritor
    20 de março de 2014 ás 18:30

    Obrigado amigo Wilson por suas sábias palavras.
    Grande abraço.
    Fernando

  • Pingback:fatores-que-voce-precisa-saber-encontrar-nicho-de-mercado/
    2 de novembro de 2015 ás 07:12
    • ffescritor
      2 de novembro de 2015 ás 14:15

      Olá amigo

      Obrigado por nos visitar e deixar um comentário tão positivo.
      Esperamos que volte mais vezes e traga seus amigos.
      Grande abraço, Fernando

Total
0