E-mail: cases@programacases.com.br
Siga-nos:
Topo

O que fazer quando seu chefe é mala

O que fazer quando seu chefe é mala

Especialistas têm comentado que trabalhar para um chefe mala pode acarretar muitos efeitos colaterais. Assim como um medicamento, um chefe mala é uma droga, mas às vezes, é preciso engolir.

Segundo estudo realizado recentemente nos Estados Unidos, alguns sintomas como, dores de cabeça, hipertensão, insônia, depressão e infarto agudo, são efeitos colaterais  relacionados a se ter um mau chefe.

De acordo com o especialista renomado de Stanford, o Professor Robert Sutton, não são apenas os colaboradores que sofrem. As empresas perdem milhões de dólares anualmente, tendo que pagar altas custas com saúde, terapia, psicólogos e indenizações.

 Você deve estar se perguntando, mas o que pode ser feito?

Jack Welch comenta em seu último livro publicado no Brasil, que é uma decisão difícil. Muitas vezes o funcionário adora seu trabalho, porém, seus resultados ficam abaixo do esperado. Isso ocorre muitas vezes pelo estresse causado por um chefe mala. Qual a saída? 

Se você gosta da empresa e de sua função, penso que têm apenas duas saídas.

Primeiro, tentar mudar sua maneira de encarar o problema. O psicólogo do século passado Willian James, disse o seguinte: “A maior descoberta do século foi descobrirmos que mudando nossa mente podemos mudar nossa atitude.” Quer dizer, temos que passar a desenvolver atitude mental positiva em relação ao problema. Encará-lo talvez como um grande desafio a ser vencido. Essa atitude pode levá-lo a preservar seu emprego. Quem sabe, seu chefe não muda de sessão, ou é promovido e repentinamente pela sua perseverança, as coisas mudam.

Outra maneira de resolver o problema, caso você já tenha tentado todas as alternativas, é buscar uma nova empresa para trabalhar. Quem sabe não encontra um chefe que o valorize e o faça crescer. O que  definitivamente não resolve é ficar reclamando e trabalhar apenas e puramente pela questão financeira.

Um grande abraço,

Fernando Fernandes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 Comentários
  • Alexandre Chagas da Silva
    3 de junho de 2011 ás 12:23

    Uma tentativa interessante é coaching no chefe mala. Ele é mala mas não deve ser burro e popde entender que o exposto pode ser uma opinião de toda a equipe e, assim, resolver maneirar.

  • fernando silveira santos
    4 de março de 2012 ás 17:04

    Olá,boa tarde uma outra maneira que creio eu é viavel para encarar a situação é conhecer quem está acima deste chefe,conhecer o rendimento de toda equipe com esse chefe,primeiro chegar diretamente nele e conversar abertamente obviamente que uma conversar saudavel e objetiva apresentando os problemas e soluções,caso ele nao ouça e queira partir para uma demição,chegar no seu superior direto e apresentar as mesmas informações,pensando desta maneira mesmo que um funcionario seje demitido a imagem do chefe perante os demais e ao seu superior nao será mais a mesma,essa atitude é a atitude de um lider e a melhor forma de carregar uma mala.

  • Adriana
    4 de janeiro de 2013 ás 16:59
  • Ivan Stabile
    13 de abril de 2013 ás 12:49

    Reclame com o RH, não são eles que fazem testes e mais testes para ver se você é normal, pois bem, são eles os responsáveis.
    Eu sempre disse, primeiro o homem depois o profissional, aliás já falo sobre isso há muito tempo.

Total
0