E-mail: cases@programacases.com.br
Siga-nos:
Topo

Por que às vezes os gerentes falham?

Por que às vezes os gerentes falham?

“Se não acreditarem no mensageiro, não acreditarão na mensagem” – James Hunt, autor de O monge e o executivo.

Liderar pessoas e fazer com que elas executem suas tarefas de forma voluntária, nem sempre é fácil. “Liderança é isso, exercer influência sobre as pessoas, nada mais nada menos”. – J.C. Maxwell.

No entanto, nem sempre as coisas correm tão bem, quando alguém é promovido a cargos de liderança. No livro “O monge e o executivo”, James Hunt aborda de forma muito clara. “Às vezes, a empresa perde um excelente operador de retro-escavadeira, e ganha um mau gerente”.

Vi isso acontecer muitas vezes. Por que, às vezes, quando alguém é promovido, as coisas não saem assim tão bem?

1. A sede oculta pelo poder: usando uma figura de retórica, parece que alguns quando promovidos despertam um vírus até então, adormecido e oculto. A senha para despertar esse vírus é: você foi promovido. Infelizmente, para alguns, este vírus é imune e destrutivo. O poder cega algumas pessoas.

2. "Gerente duas caras": uma cara para a equipe e outra para a diretoria. Sendo claro, gerentes que gostam de ficar em cima do muro. Esse tipo de gerente só sabe dizer “SIM.” Quer agradar a todos e isso é impossível. Isso deixa os liderados muito frustrados, gera desconfiança e desmotivação. Peter Drucker comentava que o Gerente Eficaz tem que aprender a dizer “Não.” Peter Druckar também dizia: “Seja você mesma.”

3. "Faça o que eu digo, e não faça o que faço": sabe aquele cara que sabe vender bem sua imagem, é bom de papo, mas suas atitudes deixam muito a desejar? Infelizmente existem muitos líderes assim. Isso causa confusão, intrigas pessoais e desunião entre os liderados.

4. Porém, o erro mais comum cometido pela maioria dos líderes, é não prestar — reconhecimento.

Uma pesquisa realizada recentemente com o objetivo de descobrir o que mantém bons funcionários nas empresas, o resultado da pesquisa deixou as pessoas surpresas:

1° Reconhecimento
2° Oportunidade de crescimento
3° Bom ambiente
4° Salário


Note que o salário só aparece em quarto lugar. Isso indica que as pessoas desejam ser reconhecidas. Ver suas idéias valorizadas. Elas consideram que o reconhecimento é algo mais importante que tão somente o fator grana. De fato, o reconhecimento pode ser uma ferramenta de grande valia para motivação dos liderados. Essa opinião também é compartilhada por outros especialistas. Note o que disse o Dr. Ken Blanchard:

“Um bom salário não é mais o único atrativo. É verdade que alguns colaboradores competentes irão para outras empresas atrás de um melhor salário; porém, os colaboradores de hoje geralmente querem mais. Procuram oportunidades em que sintam que suas contribuições são valorizadas e recompensadas.” — Ken Blanchard, autor e professor

Mary Kay, uma executiva americana de sucesso no ramo de cosméticos, disse o seguinte: "as pessoas carregam um letreiro luminoso em seus pescoços — quero ser reconhecido." Claro que ninguém vive apenas de reconhecimento. É preciso equilíbrio.

Você sabe elogiar e reconhecer o bom desempenho de seus colaboradores?

Fernando Fernandes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 Comentários
  • Airton Lima
    10 de maio de 2011 ás 11:34

    Caro Fernando, muito bom este artigo.

  • Aaron Barbosa
    31 de maio de 2011 ás 10:01

    Fernando,

  • Helena Ribeiro
    11 de junho de 2011 ás 10:47

    Fernando, mais uma vez minha tese foi reforçada. Nem sempre pessoas são profissionais, mas profissionais são sempre pessoas. E todos nós carecemos de atenção, que para os colaboradores de uma empresa, se dá através do reconhecimento.

  • Medo
    5 de junho de 2012 ás 20:20

    Wow, incredible blog lauyot! How long have you been blogging for? you make blogging look easy. The overall look of your website is magnificent, let alone the content!

  • Rose Simões
    6 de março de 2013 ás 10:46

    Excelente este artigo, adorei, é uma pena que realmente nem todos os líderes saibam equilibrar isso.
    Parabéns

  • Ariovaldo Lopes da Silva
    20 de setembro de 2014 ás 17:29

    Fernando.
    Obrigado pela mensagem sobre minha postagem.
    Eu já vivi ou vi muito dessas situações que descreve no seu excelente artigo.

    Um abraço

    Ariovaldo

Total
0