E-mail: cases@programacases.com.br
Siga-nos:
Topo

Por que você está no Linkedin?

Por que você está no Linkedin?

 

Vamos tentar usar a regra de Pareto para falarmos desse tema.

Nós acreditamos que 80% das pessoas que estão no linkedin,  responderia dessa maneira:

 

1) Porque está em alta.

2) Para conseguir um emprego.

3) Porque disseram que era importante.

4) Ainda não sei.

 

Temos quase certeza que você se identificará com algumas dessas respostas apresentadas. No entanto, o Linkedin pode ser usado para muito mais.

 

Para as pessoas que estão na rede e esperam ser escolhidas por alguma empresa – atenção. Comece dando uma olhada na sua foto de perfil. 80% das fotos dos perfis são piores  das que temos em nossas carteiras de identidade. Algumas até poderiam ser usadas para assombrar crianças de tão esdrúxulas.  Cuidado, sua foto é a sua imagem pessoal. A primeira imagem e impressão é a que fica.

 

As pessoas que estão no grupo dos 80% costumam reclamar que o Linkedin não trouxe resultados ou que não as ajudou.  A questão é que as pessoas desse grupo são “passivas”. Acreditam que seus perfis chamarão atenção apenas pelo próprio peso do currículo ou por estar na rede. Sorry, nada poderia estar mais errado do que esse pensamento.

 

Bem, já que falamos da turma dos 80%, vamos abordar o que os 20% que usam o Linkedin estão fazendo.

Esse Grupo de pessoas são na verdade o responsável pelo sucesso do Linkedin. Isso mesmo. Apenas 20% dos usuários respondem pelo sucesso da rede. Esses dados foram revelados recentemente pelo CEO da empresa. Isso quer dizer que o Linkedin tem muito para crescer.

 

Como as pessoas desse Grupo se comportam na rede?

 

Elas sabem que o Linkedin é muito mais do que uma oportunidade de emprego. Elas o usam, por exemplo, para ampliar e melhorar sua rede de relacionamentos.

 

Não deixam seus perfis em “Banho Maria”. Elas são “Ativas”. Investem parte de seu tempo interagindo, pesquisando, respondendo e postando bons artigos. Enquanto que os 80% dos usuários são consumidores, esse pequeno Grupo é responsável por todo conteúdo da rede. Claro,  todo esse esforço é recompensado.  Isso quer dizer que elas são mais vistas, mais procuradas, mais lidas, mais requisitadas e mais lembradas.

 

Bem, espero que essas dicas os animem a repensar sua atuação nessa rede fantástica.

 

Grande abraço, Fernando

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

13 Comentários
  • César Augusto Alves Wanglon
    3 de junho de 2015 ás 20:24

    Boa a noite aos usuários

    Estamos conectados no Likedin motivados em trocar experiências apreender as manifestações e reciclagem. apostando em poder contribuir esta longa estrada da vida no segmento de representações com formação acadêmica que nos preparou a estar em qualquer negociação com profundo hábito de fechamento de negócios.

  • Cosme Gonçalves
    3 de junho de 2015 ás 22:30

    NÃO!! “Eu não” Estou no linkedin porque encontro com pessoas, inteligentes, bem informadas, influentes e de mentes abertas. Que querem e que sabem o poder do conhecimento, da comunicação. Pessoas que querem ensinar, mas aceitam aprender. Pessoas compatíveis. É por isso.

  • Jennyffer Bransfor
    5 de junho de 2015 ás 14:56

    Parabéns,ótimo post, eu me identifiquei bastante,através do LinkedIn vou ampliando minha rede, fazendo contatos,pode ser usado ate como propaganda, dependendo da forma que aborde terá resultado satisfatório, este é um site onde todos que participam,estao no mesmo jogo,podemos ate jogar uma partida como adversário, mas no final queremos ser reconhecidos e preservamos nosso trabalho.
    Que possamos espalhar, mais solidariedade, humildade e amor

  • Jorge CMoreira
    11 de junho de 2015 ás 19:55

    Creio que outro erro imperdoável , nas redes sociais, principalmente no LinkedIn, é a falta de feed-back.As pessoas somente visualizam, mas não curtem , comentam mesmo se não concordar plenamente ou parcialmente com a postagem, bem com o seu compartilhamento se achou digno de ser compartilhado com outras pessoas de sua rede.

  • Janice Gasparotto
    7 de julho de 2015 ás 10:53

    Estou no LinkedIn para manter contato com meus colegas, consultores, empresas e amigos. Como esses contatos estão distantes, o LinkedIn tornou-se para mim uma excelente Ferramenta. No momento atual estou utilizando para buscar oportunidades Profissionais.

  • EDUARDO VIEGAS CHIAPPETTI
    8 de julho de 2015 ás 11:02

    Estou no linkedIn para manter contato com profissionais da minha área, me manter atualizado do que está acontecendo nela. Apresentar serviços. É uma rede muito útil para os profissionais.

  • Sérgio
    11 de julho de 2015 ás 13:49

    Estou por vários motivos, um deles é networking,posso citar vários como encurtar o caminhos de uma oportunidade de emprego e saber como meus concorrentes estão se preparando e qual foi o caminho que eles trilharam para atingir o resultado que eu busco.

  • Sidnei Augusto Tondin
    15 de julho de 2015 ás 14:33

    Bem. Minha rede é bem heterogênea. Tenho tentado transmitir conhecimentos e oponiões, entre as diversas profissões, para elevar o nível de conhecimento fora dos circulos profissionais específicos. Tenho postado também uma série de anuncios de vagas de trabalho em diversas áreas, pois sempre haverá alguém que conhece outro alguém, que poderá concorrer com a respectiva vaga anunciada, ampliando assim o alcance do anuncio. Também tenho tentado fazer com que empresas consigam fazer negocios com outras empresas e com clientes em potenciais de forma que elas tenham a oportunidade de ampliar sua carteira de clientes e negócios. Além de tentar contribuir com alunos e pesquisadores.

  • Tatiane Feliciano Formigoni
    15 de julho de 2015 ás 16:52

    Estou no Linkedin para ampliar os meus contatos profissionais, acredito que quem sabe usar corretamente essa ferramenta consegue sim, uma ótima oportunidade de trabalho.

  • Hugo Silva
    8 de abril de 2016 ás 12:05

    Bom dia. Excelente abordagem, creio que ajudará a muitos em uma nova visão sobre o uso desta rede.

  • VALERIA OTTONI
    8 de abril de 2016 ás 19:02

    Boa noite a todos!

    Acredito que o LinkedIn representa um excelente espaço para atualização de conteúdos, relacionamentos profissionais, percepção de indicadores e tendências, entre tantas outras coisas. A possibilidade de divulgação de informações pessoais e “vitrine para currículos” acaba ficando em segundo plano, quando se há tanto para ver! Talvez por essas razões eu esteja no LinkedIn!
    Um abraço a todos!

  • ranca Maria Sampaio
    11 de abril de 2016 ás 06:00

    Eu estou no Linkedin para me atualizar, divulgar o meu trabalho como consultora/palestrante/professora. Para fazer relacionamentos.
    Formar meu network, fazer reflexões com base em mensagens postadas e dar feedback.

  • Walter Francisco
    14 de junho de 2016 ás 14:28

    Eu estou no Linkedin para interagir com pessoas, e com elas compartilhar assuntos de âmbito profissional.

Total
0