E-mail: cases@programacases.com.br
Siga-nos:
Topo

Qual a diferença entre desenvolvimento de negócios e vendas?

Qual a diferença entre desenvolvimento de negócios e vendas?

Desenvolvimento de negócios e vendas sempre causa muita confusão, mas qual a diferença entre ambos?  A começar desenvolvimento de negócios faz parte da área de marketing e vendas é comercial. Todas as empresas necessitam de receitas para pagar seus custos diários, mensais ou anuais, porém é um grande equívoco afirmar que somente vendas dão resultados positivos as corporações e possam ser consideradas rentáveis.

 

Desenvolver negócios não é tarefa nada fácil, mas é um dos principais passos que todo empreendedor deve dar quando da ideia de abrir um negócio próprio. O termo negócio vem do latim negotium que significa “aquilo que não é lazer”, ou seja, é uma ocupação ou atividade que pode ser lucrativa ou não. A atividade lucrativa é a ação de negociar ou executar transações comerciais e obter receitas com aquilo no qual se comercializa.

 

O desenvolvimento de negócios atua no mecanismo estratégico da busca de oportunidades comerciais no âmbito nacional e internacional formando parcerias que possam agregar valores para o portfólio de produtos e serviços das empresas. Perceba que desenvolver negócios implica em desbravar mercados, a fim de que as empresas possam comercializar seus produtos ou serviços de maneira mais rentável do que o normal.

 

O conceito de desenvolvimento de negócio diz respeito às principais estratégias e formas possíveis para a concretização e sucesso do negócio. O desenvolvimento do negócio não depende apenas da equipe de gestão, apesar de ser responsável pela tomada de decisão, mas também de todos os colaboradores envolvidos no ciclo de produção. Não basta apenas ter uma ideia nova de produto ou serviço, se não houver antes uma equipe de desenvolvimento de negócio apta para avaliar o mercado a ser comercializado, bem como se o produto ou serviço será um diferencial a ser implantado.

 

Os profissionais responsáveis pelo desenvolvimento de negócios devem ser:

  • Estrategistas;
  • Comunicativos;
  • Organizados;
  • Otimista;
  • Arrojados;
  • Empreendedores;
  • Com visão de mercado;
  • Criativos.

 

É necessário utilizar ferramentas específicas de análise das tendências do mercado, ou seja, estes mecanismos fazem parte da área de marketing, a fim de visar à perpetuação da presença da empresa no futuro do mercado promissor, assim o negócio poderá ser mais bem orientado na obtenção do lucro.  Quanto maior o lucro, melhor será para os gestores, empreendedores e indiretamente à comunidade, pois gerar lucros está associado diretamente com o desenvolvimento da empresa construindo uma cultura empresarial favorável e um ambiente de trabalho adequado.

 

Depois de consolidado o desenvolvimento de negócios e o mercado, cabe ao departamento comercial aplicar as melhores técnicas de vendas direcionadas ao produto ou serviço a ser comercializado. Vender é uma arte e significa o ato de alienar ou ceder por certo preço, ou seja, trocar por dinheiro. Vender envolve três elementos importantes, a saber:

 

  • Cliente;
  • Produto;
  • Profissional de vendas.

 

Alguns dos principais métodos estatísticos e eficientes na captação de clientes é a pesquisa de opinião e a análise de mercado. Por outro lado, a ferramenta fundamental na conquista e fidelização do cliente para a empresa diz respeito ao profissional de vendas que tem como função a prospecção de possíveis clientes interessados em adquirir produtos e serviços específicos.

 

O profissional de vendas deve ter as seguintes características:

  • Conhecimento de técnicas de vendas;
  • Boa postura;
  • Atenção;
  • Persuasão;
  • Comunicação;
  • Ser bom ouvinte;
  • Estar sempre se renovando;
  • Paciência;
  • Estar em constante aprendizado;
  • Gostar do que faz.

 

Todas estas características são importantes no procedimento de vendas, a fim de se obter resultados favoráveis às empresas.

 

Percebe-se claramente que desenvolvimento de negócios e vendas são áreas distintas, mas indiretamente uma necessita da outra para obter projeção de mercado e obter lucros rentáveis. Se todos os empreendedores tivessem a consciência da necessidade de se ter estas áreas bem definidas em suas empresas, nenhum deles teria tantos prejuízos em épocas de crise. Desenvolvimento de negócios não pode ser tratado apenas como prioridade em alguns segmentos de mercado, e tampouco a área comercial deve ser dita como a área responsável por marketing, comercial e qualquer outra miscelânea, apenas para economizar despesas que julgam desnecessárias.

Vamos avante e até o próximo artigo!

 

Abraços,

 

Comendadora Marisa Fonseca Diniz

 

 

 

  • author's avatar

    Marisa Fonseca Diniz

    Marisa Fonseca Diniz Marisa Fonseca Diniz é Comendadora, Fundadora, Presidente e Escritora na D&K Negócios, Intermediação e Consultoria, MD Networking, formada em Administração de Empresas pela Universidade São Judas Tadeu (SP, Brasil) com especializações em Gerência de Projetos pela FGV (RJ, Brasil) e New Business Society na University of Virginia (USA), além de diversos cursos de extensão nas áreas de gestão, negócios e sustentabilidade no Brasil, USA e Inglaterra. Escritora e editora de mais de 1.000 artigos sobre sustentabilidade, construção civil, comportamento, negócios, TI e opinião no Brasil, USA, Inglaterra e Portugal. Honrada com o título de Comendadora pela Associação Brasileira de Liderança em 2015, Networking Construção Civil.

  • author's avatar

  • author's avatar

    Como planejar e controlar resultados
    Quando o sonho vira realidade
    Não copie, crie
    Qual a importância do networking nos negócios
    Qual seu diferencial de negócio?

    Ver todos os artigos deste colunista

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1Comentário
  • leanekoor.weebly.com
    24 de maio de 2017 ás 04:35

    This post provides clear idea for the new visitors of blogging, that actually how to do blogging.

Total
0