E-mail: cases@programacases.com.br
Siga-nos:
Topo

Quando o fracasso nos paralisa

Quando o fracasso nos paralisa

 

Estive pensando em escrever sobre a importância de não permitirmos que uma derrota nos faça desistir. Fiz algumas pesquisas, e cheguei a um artigo excelente de John Maxwell, um especialista em liderança. O texto é tão sublime e a mensagem é tão poderosa, que decidi reproduzi-la na íntegra. Espero que goste e, principalmente, caso esteja passando por um momento difícil, o texto lhe ajude a recobrar os sentidos.

“O fracasso pode ser doloroso – às vezes física e emocionalmente. Ver parte de sua vida cair por terra realmente machuca. E se as pessoas ainda ridicularizam seus sentimentos machucados, você acaba se sentindo realmente pior. A primeira coisa importante para enfrentar o fracasso é aprender a não personalizá-lo – garantir que você saiba que seu fracasso não transforma você em um fracassado. Mas há mais do que isso. Para muitas pessoas, a dor do fracasso leva ao medo. E elas se tornam como as pessoas que diz: ‘sou muito velho para chorar, mas dói muito rir’. É quando a maioria das pessoas fica presa no ciclo do medo. E se o medo toma conta, é quase impossível aprender com o fracasso.

O Dramaturgo George Bernard Shaw afirmou: ‘uma vida gasta cometendo erros não é só mais honrada, também mais útil do que uma vida gasta sem fazer nada’. Para superar o medo e quebrar o ciclo, você precisa estar disposto a reconhecer que vai passas a maior parte da vida cometendo erros. A má notícia é que se você ficar paralisado por muito tempo, vai ser mais difícil começar. A boa notícia é que assim que começar a se mover, vai ficar mais fácil.

Se você agir e continuar cometendo erros, vai ganhar experiência. (É por isso que o presidente Theodore Roosevelt disse: ‘aquele que não comete erros, não faz progressos. ’) Aquela experiência vai acabar trazendo competência e você cometerá menos erros. Como resultado, seu medo se tornará menos paralisante. Mas, todo o processo de ruptura do ciclo começa com a ação. Você deve agir até conquistar o sentimento, não esperar que as emoções positivas o empurrem para frente”.

Texto extraído do livro “Dia a dia com John Maxwell”. Livro publicado pela Thomas Nelson do Brasil – 2007

 

Grande abraço a todos,

Fernando Fernandes

www.programacases.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sem comentários
  • Cezar Marques
    30 de novembro de 2012 ás 08:41

    Ola Fernando:
    Realmente com os fracassos aprendemos a sair para algo bem melhor. Viemos ao planeta ,para aprender o tempo integral e felizes os que saem melhores daqui , do que quando entraram.
    abracos

  • ffescritor
    30 de novembro de 2012 ás 17:26

    Cezar, obrigado por seu comentário e visita ao nosso Blog. Se puder, por favor, compartilhe com sua rede.
    Bom, fim de semana.
    Fernando

  • Simone Costa
    12 de dezembro de 2012 ás 18:34

    Reblogged this on Impressões & Expressõese comentado:
    Recomendo…

    • ffescritor
      12 de dezembro de 2012 ás 19:35

      Simone, obrigado pela dica, com certeza darei uma olhada. Gosto mutio de ler. Obrigado por nos visitar, por favor, volte mais vezes.
      Desejo uma boa semana.
      Fernando

Total
0