E-mail: cases@programacases.com.br
Siga-nos:
Topo

Sua liderança será almejada, jamais tomada.

Sua liderança será almejada, jamais tomada.

 

 

Os valores observados em muitos líderes se tornaram preceitos essenciais, são permanentes, definem padrões de comportamento e suas atitudes são observadas na organização. É como uma impressão digital, os líderes são adorados. Tem em comum seus princípios e não necessitam de explicação ou justificativa externa que orientem suas ações e decisões no dia-a-dia resistem ao teste do tempo. A sua opinião costuma prevalecer no íntimo das pessoas que ignoram o papel e optam pelo exemplo.

 

O LÍDER deve conhecer os valores que estão presentes nos seus colegas ou colaboradores que tendem a imprimir certa tônica sobre a cultura da organização ou comunidade, daí a responsabilidade de tê-los sempre conscientes. Trocando em miúdos, para um grupo de líderes que queiram consolidar o ambiente interno para crescer, “desde o café da manhã até o pôr-do-sol”, devem aplicar ferramentas que melhorem o clima organizacional através da maior transparência nos relacionamentos (clareza e receptividade), ajuda mútua (entre os parceiros) em prol de objetivos comuns que se complementam através do acesso a informação, tornando todos responsáveis em legítimos defensores dessa. A dica é fazer o outro a reaprender, aprender a fazer, aprender a conviver e finalmente tornarem-se precursores da interatividade e perfil multiespecialistas.

 

Todos são responsáveis pelos resultados e a chance de dar certo, também depende da colaboração daquele “um” que não atende telefone adequadamente, não pega clipes no chão, esquece de averiguar o nível da água no radiador do carro da empresa, tem férias vencidas e acha-se insubstituível, os mitos na recuperação de um cliente perdido, achar que seus produtos ou serviços são caros e não alinhados às expectativas e desejos considerando (de produtos de beleza a aviões), o receio de que o mercado interno não está comprador, o exportar com o dólar flutuante gera insegurança de investir a longo prazo ou apenas estamos em crise. Xô temeridade, resgatemos todos os valores que “VOCÊS LÍDERES” sempre ou nunca acreditaram, tornem-se definitivamente multiplicadores de ações empreendedoras.  Os 7 passos que os diferenciam dos “Líderes Commodities” são:    

 


1• limpe as gavetas (ideias guardadas ocupam espaço jamais serão aplicadas), faça um mutirão para evitar o desperdício e baixe seus custos fixos em percentuais (%); 


2• desenvolva o pensar criativo, a inovação e o autogerenciamento (se necessário, troque pessoas de função, prédio, território), valorize-as e elimine o boicote pela raiz;


3• verifique os argumentos e capacidade de persuasão nas negociações (em todas as áreas) e experimente os benefícios do benchmarking. Promova fóruns internos de negociação scripts que convençam;


4• busque no grupo criatividade e flexibilidade nos relacionamentos interpessoais. (leve o sol para sua área);


5• valores orientando resultados através do pragmatismo e da liderança (êxito é o que importa, verdades levam a resultados objetivos);


6• avalie as áreas estratégicas da empresa, do departamento, aplique treinamento e capacitação (o que define a corrida é a performance durante os treinos, espelhe-se na Fórmula 1 e cobre resultados);


7• reúna o staff pelo menos uma vez por mês em torno de projetos realizáveis, definindo início, meio e data final de consecução, (quebre o gelo e receba o feedback), fundamentalmente ouça a linha frente.

E a partir daí comece a colecionar histórias de sucesso em todas as áreas.  Dica: estenda essa postura e inclua a família, monitore o clima político, ora torne-se um produtor de ideias, ora um comprador de soluções, avalie os “prospects” são minas de ouro e acredite que mesmo escrevendo no momento presente um rascunho a lápis, riscamos um panorama mais verdadeiro e duradouro, convictos de assinar um futuro mais promissor. Aguarde resultados surpreendentes, mais reais, dólares, vendas, inovação, mercado, clientes, rentabilidade, bom clima interno, externo e a boa saúde.

 

 

Abraços,

Roberto Botelho

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sem comentários
Total
0